Pesquisar

Relações Públicas

Nestas duas últimas décadas, as Relações Públicas do Município de Guimarães têm conquistado um papel de relevo na definição e condução das políticas da autarquia.

A complexidade dos relacionamentos institucionais, os avanços tecnológicos, o aprofundamento das políticas humanas, entre outros factores, têm contribuído para o desenvolvimento de novas áreas de intervenção no âmbito das Relações Públicas.

Embora existam várias definições de Relações Públicas. Scott M. Cutlip, Allen H. Center e Glen M. Broom definem RP como “uma função da administração distinta, que ajuda a estabelecer e manter linhas mútuas de comunicação, entendimento, aceitação e cooperação entre a organização e os seus públicos; envolve a gestão de problemas ou temas importantes; ajuda a administração a manter-se informada sobre a opinião pública e pronta a responder perante ela; define e sublinha a responsabilidade da administração em servir o interesse do público; ajuda a administração a ficar a par da mudança e a usá-la, serve como um mecanismo de aviso prévio para antecipar modas; usa a pesquisa e uma comunicação racional, sã e ética como ferramentas principais.”

Sendo o Gabinete de Relações Públicas e Internacionais (GRPI) uma unidade de apoio técnico, no domínio da informação e das relações públicas, cabe-lhe desenvolver acções que permitam estabelecer um vínculo de proximidade entre o órgão executivo, a comunidade e outras autoridades. Assim, compete ao GRPI:

- Assegurar as funções de protocolo nas cerimónias e actos oficiais do município;
- Organizar as deslocações oficiais dos eleitos municipais e a recepção e estadia de convidados oficiais do município;
- Apoiar a realização de iniciativas promocionais para o concelho;
- Promover a comunicação entre os munícipes e o município, estimulando o diálogo permanente, a co-responsabilização colectiva e a melhoria da qualidade dos serviços prestados;
- Outros não especificados.

De facto, a implementação de mecanismos que facilitam a interacção entre os diversos agentes; a colaboração na definição e execução de estratégias políticas; a difusão e gestão de informação relativa às actividades dos órgãos e serviços municipais; têm contribuído significativamente para a harmonização institucional do Município e dos desafios que enfrenta.

Subscrever newsletter